quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Miguel de Castro: hoje é o seu dia





Hoje, evocando o seu nascimento há precisamente noventa e um anos, é dia de reler Miguel de Castro.

Que saudades daquelas tardes, que pareciam sempre curtas, em que líamos e comentávamos a sua poesia!



RESPIRAÇÃO

Vai abrir a manhã.

A neblina esfuma
os pesados navios.

O silêncio está cheio
da respiração do mar.

Terral, 1990



CULSETE, A PAIXÃO DA LEITURA